Relações familiares durante a quarentena

O isolamento social obrigatório está impondo uma nova realidade às famílias. O acúmulo de tarefas simultâneas, a convivência ininterrupta dentro do mesmo ambiente, são alguns dos desafios enfrentados diariamente.

Mas não é só isso. Devemos ter cuidado com a questão emocional frente a esse confinamento compulsório, pois o “novo” muitas vezes assusta, desequilibra, ainda mais diante de tantas incertezas. Naquele momento de estresse, se possível, feche os olhos por alguns segundos, respire fundo, tente manter a mente tranquila para poder tomar as decisões mais adequadas.

É importante nos darmos conta que o desenvolvimento de novas habilidades também é fundamental para adaptar-se a essa nova realidade.

Da mesma forma, a organização do tempo e a divisão das tarefas dentro de casa podem auxiliar a tornar o dia a dia mais equilibrado. Aproveite esse momento para interagir com seus familiares também nas atividades domésticas. No caso dos filhos, conforme cada faixa etária, diversas tarefas podem ser divididas, como arrumar as camas, recolher o lixo, varrer a casa, organizar os seus armários de roupas, preparar as refeições, lavar a louça, entre outras.

Esse pode ser um lado positivo da quarentena, a prática de novas habilidades que podem ser adotadas de forma permanente daqui pra frente, otimizando tempo e proporcionando equilíbrio às relações familiares.

Lisiane Amaro
OAB/RS 70.389
Publicado por: Lini & Pandolfi Advogados Associados em 4 de maio de 2020

Quer saber mais sobre seus direitos?

Preencha o formulário e entraremos em contato!